Vamos falar sobre Plástica nas Pálpebras

Vamos falar sobre Plástica nas Pálpebras

Não está satisfeito ou satisfeita com a aparência de suas pálpebras?! Saiba que de forma simples, a aparência pode ser corrigida, desde que o procedimento seja feito por um profissional experiente, como é o caso do cirurgião plástico Dr. Juan Sánchez.

Não há uma idade ideal para se fazer a cirurgia plástica. Ela é realizada quando há algo a ser reparado. Geralmente, a operação acontece após os 30 anos de idade do paciente.

Uma das preocupações mais recorrentes quanto a este procedimento, que tem o nome de Blefaroplastia, é se as cicatrizes ficam visíveis e onde ficam localizadas.

Pois bem, sendo a pele das pálpebras de espessura bastante fina, as cicatrizes tendem a ficar praticamente disfarçadas nos sulcos da pele.

Mas há um período de maturação da cicatriz, que é de três meses. Pela localização das cicatrizes, é possível que, com uma maquiagem leve, elas sejam disfarçadas desde os primeiros dias.

Outra dúvida é quanto à anestesia. A maioria dos casos de cirurgia nas pálpebras é realizada com anestesia local, com sedação prévia em alguns casos.

Dependendo da vontade do paciente e da definição do médico, pode-se usar a anestesia geral. Esta última conduta anestésica é para os casos em que, clinicamente, está contraindicada a anestesia local ou mesmo quando a blefaroplastia esteja sendo feita simultaneamente com outras cirurgias.

VOU SENTIR DOR SE FIZER ESTA CIRURGIA?

Na maior parte dos casos, não. Ainda que aconteça uma sensibilidade maior ou pequenos surtos de dor, estes poderão ser perfeitamente controlados com o uso de analgésicos comuns, prescritos pelo médico.

Jamais se automedique! Quanto ao inchaço nos olhos, há uma variação de paciente para paciente. Tem aqueles e aquelas pacientes que já no 4º ou 5º dia apresentam-se com um aspecto bastante natural.

Mas há casos de pacientes que atingem este resultado após o 8º dia. Em todos os casos, os três primeiros dias do pós-operatório são aqueles em que existe maior inchaço das pálpebras.

O uso de óculos escuros pode ser útil nesta fase, assim como a utilização de compressas frias, para diminuir o edema.

O período de internação para esta cirurgia é curto. Nos casos de anestesia local, a internação é de 4 a 8 horas. Quando é feita anestesia geral, 24 horas de internação.

MANCHAS ROXAS OU ASPECTO AVERMELHADO

Quando a Blefaroplastia é realizada, há casos em que são notadas algumas manchas roxas ou aspecto avermelhado. Esta reação nada mais é que a infiltração do sangue na pele subjacente e mesmo na conjuntiva ocular, ou seja, elas aparecem graças ao trauma cirúrgico.

Mas isso é um problema? Não! A reação não constitui qualquer problema futuro e não é considerada como complicação, mas, sim, uma intercorrência transitória e reversível.

O resultado mais definitivo depois de feito o procedimento é alcançado após o 3º mês. Mas já depois do 8º dia, nota-se aproximadamente 25% do resultado almejado, sendo que nas duas ou três semanas subsequentes este percentual tende a melhorar acentuadamente.

Não é obrigatória a oclusão dos olhos depois da cirurgia. Pode ser recomendada a colocação de compressas frias por alguns minutos, várias vezes ao dia, como profilaxia do edema acentuado.

Alguns cirurgiões preferem a oclusão dos olhos no pós-operatório.

REJUVENESCIMENTO

Quando é feita somente a cirurgia das pálpebras, é importante levar em consideração que só ela não proporciona rejuvenescimento geral à face. Muitos pacientes esperam este resultado apenas com a blefaroplastia.

O rejuvenescimento geral da face implica em outras condutas. Quando feita a operação nas pálpebras, alguns cuidados são necessários antes do procedimento.

É importante comunicar ao médico qualquer anormalidade que possa ocorrer, quanto ao estado de saúde do paciente, até a véspera da internação. Maquiagens não devem ser feitas no dia da internação.

Leve óculos escuros e vá acompanhado ao local da cirurgia. No pós-operatório, use compressas com água fria sobre os olhos, para diminuir o tempo de edema e para proporcionar conforto.

Os óculos escuros devem ser uados quando houver exposição à luz natural e ao vento. E obedeça às prescrições de seu médico!