7 Perguntas e respostas para o procedimento de Mini-lifting

mini lifting

O Mini-Lifting é um procedimento cirúrgico que tem como objetivo promover o rejuvenescimento da face. Assim, pessoas com flacidez e excesso de pele podem realizar o mini-lifting em alguns casos, poderá ser associado a blefaroplastia, lifting de testa, bichectomia e preenchedores faciais.

O mini-lifting é uma ótima opção para pessoas que procuram uma cirurgia plástica de rejuvenescimento do rosto com resultados naturais e recuperação relativamente rápida. Elaboramos 7 perguntas e respostas que vão esclarecer melhor o procedimento de mini-lifting. Fique atento!

1 O que é mini-lifting?

É um procedimento cirúrgico que tem como objetivo reposicionar a musculatura e suavizar a flacidez, recuperando o “V” da beleza promovendo o rejuvenescimento.

O mini lifting pode atuar com eficiência:

  • na flacidez do pescoço e nas famosas “papadas”
  • nas bochechas (terço médio da face)
  • melhora a definição do contorno facial
  • suavização dos sulcos (conhecido como bigode chinês);

2 Onde fica localizada a cicatriz do mini lifting?

O procedimento de mini-lifting consiste em incisões discretas em locais estratégicos para que fiquem menos perceptíveis possíveis, próximas a região auricular.

3 É possível fazer outras cirurgias juntamente com o mini-lifting?

Estas associações são comuns entre os pacientes que procuram o mini-lifting e acabam aderindo a outros procedimentos, como a retirada do excesso de pele nas pálpebras, através da blefaroplastia.

Outros procedimentos como a lipoaspiração da região cervical,   lipoenxertia (enxerto de gordura), entre tantos outros podem ser realizados em conjunto com o mini-lifting.

4 Quais as principais intercorrências do mini-lifting?

Em geral, são intercorrências que ocorrem em qualquer tipo de procedimento cirúrgico, como:

  • Edema (inchaço);
  • Equimoses (manchas roxas) ao redor dos olhos, na região da bochecha e do pescoço, etc.

5 O procedimento de mini-lifting demora quanto tempo?

Cada face demanda um tempo específico. O cirurgião plástico é quem fará uma avaliação e através da combinação de técnicas irá corrigir os problemas de forma mais adequada. Isso porque para cada tipo de alteração identificada no exame físico existe um tipo de técnica a ser aplicada. Por isso, o tempo estimado varia de acordo com cada cirurgia, podendo durar entre três a seis horas.

6 É possível rejuvenescer 10 anos?

A procura por procedimentos estéticos e cirúrgicos têm aumentado nos últimos anos. O fato é que não é possível voltar 10, 20 ou 30 anos no tempo, mas sim modelar o contorno e a harmonia da face para uma aparência mais natural. E a qualidade da pele é o fator que determina resultados mais satisfatórios.

7 Qual profissional médico pode realizar o mini-lifting?

Apesar do nome “mini”, o procedimento trata-se de uma cirurgia plástica extremamente delicada e que deve ser feito por um cirurgião plástico devidamente habilitado.

O cirurgião plástico é o profissional médico responsável pelo treinamento e capacitação da sua equipe técnica e com conhecimento suficiente para fazer uma cirurgia plástica de rejuvenescimento facial com segurança.

Gostou do nosso post? Caso tenha ficado com alguma dúvida deixe seu comentário nos campos abaixo. Esperamos sua contribuição!