cirurgia de AbdominoplastiaO que é a Cirurgia de Abdominoplastia

Cirurgia da parede abdominal para a correção funcional, estética e da flacidez de pele.

Consiste em plicatura (fechamento) da musculatura abdominal, com a retirada do excesso de pele do umbigo para baixo, confecção de um novo umbigo e cicatriz em semi-lua na área inguinal.

A abdominoplastia não deve ser considerada como tratamento de obesidade, ou substituto de dietas e exercícios físicos, mas como complemento importante para reestruturação da função do músculo abdominal e flacidez de pele.

Se houver excesso de gordura, uma lipoaspiração deve ser associada, geralmente em um segundo tempo (6 meses após), para não haver interferência de um procedimento no outro (se for retirada muita pele na abdominoplastia, não poderá ser retirada muita gordura na lipo, para evitar necrose tecidual e vice-versa).

Utilizamos o mais moderno sistema de fechamento da pele, o PRINEO, que consiste em uma tela autoadesiva de poliéster, promovendo proteção antibacteriana sobre a linha de incisão, maior segurança no fechamento da pele, ótimos resultados estéticos, além de permitir que o paciente molhe a incisão após o 1º curativo.

Anestesia: peridural com sedação.

Pós-operatório da Abdominoplastia

  • Alta hospitalar no dia seguinte.
  • A paciente sairá da cirurgia com dreno, que será retirado em 2 dias (no 1º curativo).
  • Com o uso do PRINEO, a paciente é liberada para banho após o 1º curativo (2º dia), sem necessidade de troca. Sem o mesmo, a paciente será liberada para banho após o 4º dia, e curativos de 5 em 5 dias para troca do micropore e revisão da incisão cirúrgica.
  • Deambulação normal, com leve relaxamento dos ombros.
  • Descanso de aproximadamente 3 semanas, com restrição de atividades e esforços físicos.
  • Drenagem, se necessário (a critério médico), após o 5º dia, com aproximadamente 5 sessões.
  • Após a 3ª semana, são utilizados a fita e o gel de silicone para melhora da qualidade da cicatriz, que pode variar por um período de 3 a 12 meses, dependendo do processo de cicatrização de cada paciente.
  • A cicatriz resultante dependerá fundamentalmente da qualidade da cicatrização de cada paciente em particular.

Clique para assistir aos vídeos:

Clássico
Mini

As animações são baseadas em procedimentos reais.

- Página anterior