Veja se está na hora de trocar sua prótese de silicone

Mamoplastia de Aumento (Prótese)

Carla Perez, Debora Secco e Juju Salimeni. Além da beleza, o que essas mulheres têm em comum? Acertou quem disse que todas elas já fizeram implante de silicone nos seios. Acertou mais ainda quem lembrou que todas elas fizeram a troca de suas próteses recentemente.

Uma das cirurgias mais procuradas pelas mulheres, o implante de silicone nos seios é um procedimento que avançou muito nos últimos anos, mesmo assim, requer uma manutenção periódica para evitar qualquer risco à saúde.

É isso mesmo. As próteses implantadas não são eternas e com o passar dos anos precisam ser substituídas por novas. Mas a grande dúvida é quanto tempo dura uma prótese e quando ela deve ser trocada.

Segundo os especialistas, as próteses mais antigas têm um prazo de validade menor e precisam ser substituídas a cada dez anos. Já as próteses mais recentes, implantadas a partir do ano 2.000 têm prazo de validade maior e, em alguns casos, podem durar até 20 anos.

No entanto, esses números são apenas referências e para saber se realmente está na hora de efetuar a troca, é necessário a realização de exames periodicamente a fim checar as condições do material.

Além da desgaste natural das próteses, outras situações podem fazer com que a substituição necessite ser antecipada para garantir a saúde da mulher. Um desses casos é quando há muita variação de peso por parte da paciente. Outra situação que pode antecipar a substituição é quando a prótese sofre algum tipo de ruptura ou mudança de posição.

Exames clínicos e de imagem são capazes de diagnosticar esses casos. Entre eles, os exames mais comuns são os de mamografia, de ultrassom e o de ressonância magnética. Após o diagnóstico da necessidade da troca, é necessário fazer o procedimento no prazo recomendado pelo médico para evitar rupturas e vazamentos, que podem gerar inflamações de tecidos vizinhos.

Já o procedimento de troca em si é bem parecido com a cirurgia de implante da prótese. A facilidade da substituição é a possibilidade de utilização das mesma cicatriz da primeira cirurgia, o que possibilita melhor resultado estético.

Quanto ao pós-operatório, as recomendações são praticamente as mesmas da maiorias das demais cirurgias estéticas, como:

– Repouso pelo período recomendado pelo médico

– Não se expor ao sol nos primeiros dias

– Não executar exercícios ou atividades físicas intensas

– Usar modelador cirúrgico pelo período recomendado pelo médico.

Para realizar a cirurgia da substituição da prótese, a paciente pode procurar o médico cirurgião que fez o implante, embora isso não seja obrigatório.

De qualquer maneira, é preciso verificar a reputação do médico ou da clínica escolhida. A Clínica Dr. Juan Sánchez, com endereços em São Paulo e São José dos Campos, é uma das mais conceituadas do Estado e realiza tanto o procedimento de colocação, quanto de troca de próteses.